[Parafraseando] Coringa: Por que tão sério?


[Parafraseando] Coringa: Por que tão sério?

 É, eu sei que esse quadro é apenas para escritores, mas não sei por que inventei de colocar o Coringa nesse quadro... E sinceramente, o Coringa é um dos mais inteligentes vilões do cinema... E eu acho que ele merece um lugar entre os escritores geniais... Bem, vamos ao post?



Coringa...


Coringa  é o maior vilão da DC Comics, arqui-inimigo do tão poderoso Batman... Criado por Bill Finger e Bob Kane a partir de uma sugestão de Jerry Robinson, o Coringa é um psicótico com uma aparência parecida com a de um palhaço, que busca sempre desafiar o Homem-Morcego, causando grande danos em sua vida.
A lista de atribuições de Coringa é considerada "invejável". Se trata de um sádicopsicótico, maníaco e homicida. Porém, acima de tudo, um gênio!
Além de ser o maior inimigo de Batman, é um dos personagens mais famosos dos quadrinhos - creio que mais famoso que o próprio Batman. São raros os vilões que conseguem grande destaque como ele, sendo considerado por muitos, o mais célebre vilão das histórias em quadrinhos.

Sua história... Seu passado

Apesar de haver diversos relatos e histórias, a real origem do Coringa - assim como seu verdadeiro nome - ainda é um mistério. 
    [Parafraseando] Coringa: Por que tão sério?
  • Uma das versões fala de Joseph Kerr, uma criança problemática: vivia psicologicamente no seu mundo isolado após a separação de seus pais. Seu pai, em um momento de raiva, ao ver Joseph chorar, perguntou porque ele estava tão serio, e logo depois cortou a boca de seu próprio filho, deixando-o com uma cicatriz no lado esquerdo do rosto. As crianças com quem estudava o consideravam estranho, mas ele dizia que ele não era estranho e sim todos os demais o eram. Em resposta, sua colega disse que se todos eram estranho e ele era único normal, e assim ele continuaria sendo considerado estranho. No mesmo dia, ele arrumou briga com um colega de escola e fez o garoto ir para o hospital e levar 12 pontos na cabeça - menino mau O.O. Após ter sido expulso de 3 escolas, ele desistiu dos estudos. Foi levado ao psiquiatra, mas nunca mudava sua personalidade estranha. Seu pai o considerava louco e desconsiderava ele como filho. Um dia, já atingida sua adolescência, ele fugiu de casa e incendiou a casa com seus pais dentro, e enquanto olhava a casa queimar cortou a outra parte de sua boca formando um sorriso completo em seu rosto. Não se sabe o que ele faz a partir de então: acredita-se que ele virou ladrão de joalheria e assumiu o nome de Jack Napier até assumir o personagem Coringa.
  • Outra versão diz que ele era um ex-engenheiro químico com uma família para sustentar, e após ser demitido descobriu que sua mulher tinha câncer. Ele então buscou dinheiro para um tratamento, trabalhando como piadista, mas ninguém achava graça nele. Então ele se juntou com um grupo de ladrões e foi roubar uma fábrica de produtos químicos, e assumiu nesse dia o vulgo disfarce de um criminoso conhecido como Capuz Vermelho. Durante um assalto mal-sucedido, Capuz Vermelho caiu em um barril de substâncias químicas perigosas para escapar de Batman. Capuz Vermelho tenta assaltar uma fábrica e quando Batman e Robin invadem o lugar, o Capuz Vermelho cai acidentalmente num tonel de produtos químicos. É dado como morto, mas 10 anos depois ressurge completamente louco, com pele branca e cabelos verdes.
  • Há ainda uma terceira versão, amplamente aceita, em que o Coringa tem seus problemas de infância (como contado na primeira versão), e ao crescer, decide roubar uma fábrica da companhia de cartas, para se vingar de sua demissão do cargo de engenheiro químico, e, ao tentar fugir, se joga em um duto com o que seria o lixo tóxico proveniente do material que pinta as cartas. O resultado é o desconhecimento de seu paradeiro, já que este assume nova personalidade ao mudar sua figura. Cabelos verdes, lábios vermelhos e pele branca tornam-se a nova marca registrada do personagem.


Após roubar e matar diversas pessoas, ele encontrou sua alma gêmea, seu equivalente: o Batman. Daí em diante, o Coringa dedica sua vida a desafiar o herói e a combatê-lo, causando pânico e terror para atingi-lo.

Vilões também tem seus poderes...

O Coringa é um grande humorista, e usa armas inspiradas em comédia. Estas incluem uma luva com dispositivo elétrico (que dá um choque letal), tortas de cianureto e uma flor que espirra ácido. Sua marca registrada e, ao mesmo tempo, arma mais perigosa, é o gás do riso, mais conhecido como "Veneno do Coringa", que força a vítima a rir tão histerica e descontroladamente que acaba por provocar-lhe um colapso fatal - to com medo de rir agora O.O. 
Após a morte, a substância enrijece seus músculos faciais e a deixa com um sorriso enlouquecido, idêntico ao do próprio Coringa, e ainda esbranquiça a sua pele, de modo a torná-la praticamente uma cópia do vilão. Por vezes, o Coringa usa doses de soluções mais fracas do veneno, a fim de apenas deixar a vítima rindo por algum tempo, visando incapacitá-la de lutar contra ele ou de perseguí-lo, mas sem matá-la. Ele, obviamente, é imune ao escuro disfarçado de gente rica.

Um louco?

Por mais de uma vez o Coringa demonstrou a força e resistência anormal dos loucos... O curioso é que, apesar de louco, o Coringa é um homem inteligentíssimo, armando esquemas elaborados e possuindo conhecimentos profundos de químicagenética e engenharia.
Pode-se dizer ainda, que o Coringa, graças a seu oportunismo, e avançada inteligência, tem, em uma série de situações, a capacidade de levar os outros à total e decadente loucura. Nota-se tal ardil no filme Batman - O Cavaleiro das Trevas, quando o Coringa entorpece o bom senso de Harvey Dent, subjugando-o às loucuras niilistas de seu subconsciente, quando por fim o promotor acaba por se tornar o Duas-Caras.
[Parafraseando] Coringa: Por que tão sério?Sempre com sarcasmos à flor da pele, constroem situações nos quais as vítimas passam a acreditar que elas mesmas tem um percentual de culpa por alguma catástrofe, provocada, claro, pelo Coringa.
O Coringa também conseguiu sobreviver a inúmeras situações mortais, tendo sido atirado de precipícios, electrocutado, pego em explosões e baleado diversas vezes e sempre voltando - ele é imortal, por acaso?
Algo que nenhum outro vilão faz,  é sorrir diante de um fracasso ou de uma derrota; e isto é algo que Batman nunca consegue compreender realmente, causando também uma certa obsessão pelo vilão.
A mente de Coringa é algo tão complexo quanto se pode imaginar. Ele nunca é capturado definitivamente, e sua personalidade e suas maneiras de proceder, que são únicos, diante de uma situação são que fazem dele um vilão que tem mais fãs do que muitos super-heróis.


The Dark Knight 


Em The Dark Knight [2008] , é introduzida uma nova versão do personagem, interpretada por Heath Ledger (que faleceu com apenas 28 anos em Janeiro de 2008, vitimado por uma overdose de tranquilizantes, antes mesmo da estréia do filme).
[Parafraseando] Coringa: Por que tão sério?Este novo Coringa possui um visual mais realista, psicótico e sombrio, com apenas o rosto maquiado(ao contrário de todas as demais versões, nas quais toda a pele de seu corpo é branca), cabelos mais longos que os da versão "clássica", tingidos de verde, além de um sorriso construído com cicatrizes. A origem das mesmas não fica bem clara no filme, pois o próprio Coringa apresenta duas versões para o seu surgimento. Ao mafioso Gambol, afirma que seu pai, drogado e bêbado, cortara sua boca e bochechas. Porém, para Rachel Dawes, diz que ele próprio as produzira, para tentar consolar sua mulher, desfigurada por agiotas, o que acabou por provocar o fim de seu casamento. 
Ao contrário da interpretação de Jack Nicholson, que mostra um Coringa essencialmente debochado e cômico, Heath Ledger o interpreta de uma forma bem mais dramática e agressiva. Sua personalidade é alucinada e violenta. Segundo registro da revista Superinteressante, ele foi tão convincente em sua atuação que o consagrado ator Michael Caine, que interpreta o mordomo Alfred, disse que, sem ter conhecido Ledger antes do filme, ficou tão assustado ao contracenar com o novo Coringa que chegou a esquecer suas falas. 
O Marcante desempenho foi premiado pela Associação de Correspondentes Estrangeiros de Hollywood e pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas que lhe concederam tanto o Globo de Ouro como o Oscar de Melhor Ator Coadjuvante, em 2009, prêmios recebidos postumamente.

Brincando com sua mente...

  1. "Eu acredito que tudo que não te mata, te deixa mais estranho."
  2. "Por que tão sério?"
  3. "Um pouco de conflito em você. Eu gosto disso."
  4. " Me avise quando começar a levar as coisas mais a sério."
  5. " Introduza um pouco de anarquia!"
  6. "que acontece quando uma força que não se pode parar encontra um objeto imóvel."
  7. " Eu não quero te matar. Você me completa." - Não seria nada bom ouvir isso do (a) namorado(a), né?
  8. "Eu sou um agente do caos."
  9. " A loucura é como a gravidade. Só precisa de um empurrão."
  10. " Eu pareço alguém que tem um plano?"
  11. " Eu não sou um monstro. Só estou na vanguarda."
  12. " Sou um cachorro perseguindo carros. Eu não saberia o que fazer se alcançasse um."
  13. " Se você é bom em alguma coisa, nunca a faça de graça."
  14. " Quando o mundo acabar, essas tais pessoas civilizadas, vão comer umas às outras"
  15. " "Vamos colocar um sorriso nesse rosto"
  16. "Sabe qual a chave do caos? O medo"
  17. "Sabe porque uso facas? Armas são muito rápidas..."
  18. "Pra eles, você é só uma aberração... Como eu."
  19. "As pessoas são tão boas quanto o mundo permite"
  20. "Você quer saber como eu ganhei essas cicatrizes?"
  21. "Nós paramos de procurar monstros embaixo de nossas camas, quando percebemos que eles estão dentro de nós".

Mais famoso que muitos super-heróis... Um gênio


7 comentários:

  1. Sinceramente, esse foi o melhor texto que li do gênero nos últimos tempos! É grande, mas e daí? Seu texto prende o leitor do início ao fim, até eu que nunca assisti nenhum filme do batman (pasmem) vi fascínio no coringa. Subiu pro topo na minha lista de filmes pra ver nas férias. Um beijo, Amanda! :*

    http://railmamedeiros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Ah, não gosto muito do Coringa não (até porque nunca assisti Batmam), ele é tão psicodélico e sombrio, que me dá medo! kkk
    Mas, em compensação, curti as frases dele! São, entre aspas, geniais.
    Te desejo um Feliz Ano Novo!!! Que 2012 seja maravilhoso, cheio de realizações, sonhos, coisas boas, surpresas e tudo mais!! :D
    Bjs

    http://teenblogumblogpravoce.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, o meu mini banner sofreu umas alterações :) então você poderia passar lá no blog, pra pegar o novo link?

    E amo essa coisa sombria do Coringa, principalmente interpretado pelo eterno e maravilhoso Ledger *-* postei bem legal, gostei muito!

    http://ahoradevirarborboleta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. ele é fascinante ne?!
    HEHEHEHE
    pode até parecer um pouco estranho isso, mas acho ele incrivelmente interessante, de fato um dos melhores e mais complexos viões!
    beem interessante sua postgem Amanda, gostei ;D

    ameei receber seu comentário lá no blog Amanda, fiquei muito lisonjeado em saber que você deseja postar meu texto aqui, sinta-se plenamente a vontade para postar quantos textos quiser, e quantas vezes quiser, viu?!

    grande beijo =***

    ResponderExcluir
  5. Oii!Adorei! *-*
    tem selinho de ano novo pra vc lá no blog!
    Beijos
    By My Self

    ResponderExcluir
  6. Nossa que fascinante, vi este filme no cinema e por mais ridículo que pareça, no fim eu já estava torcendo para o "coringa", de tão empolgada e fascinada que fiquei com o personagem!! Bem... Este post é imenso, mas mesmo assim me vi presa até o fim da leitura de tão bom que é!! Amei Muitíssimo!!

    umaquasenerd1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir